Neymar Jr.

Santos vence o Palmeiras nos pênaltis e está na semifinal do Campeonato Paulista

Por Helena Passarelli

“ÉÉÉÉ Rafael”. Foi com o nome do camisa 1 gritado pela torcida que o jogo da noite deste sábado (27) terminou na Vila Belmiro. No tempo normal, Santos e Palmeiras empataram em 1 a 1, o que levou a classificação do Paulistão para os pênaltis. Com duas defesas nas cobranças de pênalti, e com o gol de René Jr. para sacramentar a classificação, o Santos está na semifinal do Campeonato Paulista.

Depois desta vitória, o Santos enfrentará o Mogi-Mirim na semifinal - o clube do interior ganhou de 6 x 0 do Botafogo-SP. A data e o local da semifinal ainda não estão definidos. Enquanto isso, o Peixe terá uma semana de treinos para se preparar para mais esta decisão.

O jogo

O torcedor santista compareceu em peso na Vila Belmiro para ajudar o Santos na classificação para a semifinal do Paulistão. O Peixe se comportou bem no primeiro tempo e se mostrou superior ao Palmeiras depois de ter as melhores oportunidades de gol. Aos 12 minutos, em cobrança de escanteio de Montillo, a bola sobrou nos pés de Neymar Jr. que chutou cruzado e Cícero completou. Santos 1 a 0.

Ainda na primeira etapa da partida, o Palmeiras marcou um gol contra com Henrique, que acabou sendo anulado pelo juiz, após marcar falta para o time da capital. Edu Dracena também tirou o fôlego do torcedor depois de acertar o travessão com um belo chute.

No segundo tempo o Santos buscou aumentar sua vantagem. Neymar Jr. e Miralles pararam nas defesas do goleiro. Mas do outro lado do campo quem balançou a rede foi o Palmeiras. Aos 38 minutos, em jogada pela esquerda, Souza cruzou e Kléber apareceu no meio da área santista e de cabeça deixou tudo igual em 1 a 1. Com este tento, o Palmeiras conseguiu levar a decisão para os pênaltis.

Cobranças de pênalti

No momento decisivo o fator Vila Belmiro se fez presente. A torcida empurrou os jogadores e o nome de Rafael ecoou pelo estádio. Na primeira cobrança, o camisa 1 santista defendeu o pênalti de Kléber. Na sequência, Miralles, Cícero e Montillo marcaram. Pelo Palmeiras, Souza e Wesley converteram. Quando chegou na vez do jovem Leandro, o goleiro Rafael pulou bonito para defender o chute no alto direito. A vaga na semifinal ficou então nos pés de Renê Jr. que fez bonito e marcou para o delírio do torcedor.

Notícias

<
>