Neymar Jr.

Santos perde para o Corinthians por 2 a 1 no 1º jogo da final e leva decisão para a Vila Belmiro

Por Helena Passarelli

90 minutos e mais alguns de acréscimo já se foram. O Santos entrou em campo no Pacaembu buscando a vitória contra o Corinthians, mas quem saiu na frente foi o time da capital. Com o resultado de 2 a 1 para os corintianos, o Peixe terá que vencer por dois gols de diferença no próximo jogo da final para ser tetracampeão paulista.

E para que isso fique na história, a Vila Belmiro será o palco principal no próximo domingo (19), às 16 horas. Na saída do gramado, os santistas afirmaram que  o gol de Durval no final do segundo tempo deixou a decisão em aberto. E para reverter este resultado, o torcedor santista já foi escalado pelos jogadores no apoio ao time.

O Peixe terá a próxima semana inteira para treinar e se preparar para esta decisão final, enquanto o Corinthians defende sua permanência na Libertadores, contra o Boca Juniors, no meio da semana.

O Jogo

Como era de se esperar de um clássico paulista, Santos e Corinthians protagonizaram um 1º tempo tenso no Pacaembu. O time da casa teve o controle de boa parte da primeira etapa do jogo, enquanto o Santos não conseguiu sair jogando e sofreu o gol no final.

Na jogada de bola parada foi que o Corinthians achou um espaço na zaga santista e abriu vantagem nesta final. Aos 41 minutos em cobrança de falta pela direita, Romarinho cruzou para Danilo que achou Paulinho livre na área. Na finalização, o volante não desperdiçou e marcou. Corinthians 1 a 0 Peixe.

Antes do intervalo, o Corinthians ainda teve nova chance de marcar. Paulinho acertou em cheio o travessão de Rafael de fora da área. A bola ainda sobrou para Guerrero que desperdiçou ao chutar para fora. Mas apesar da trave ajudar, o goleiro santista fez boas defesas neste primeiro tempo e segurou a pressão adversária.

No segundo tempo o Peixe voltou com uma postura diferente. Muricy promoveu a entrada de André no lugar de Miralles e Felipe Anderson na vaga de Marcos Assunção. Com estas mudanças o Peixe conseguiu trocar bem os passes e a primeira chance ofensiva veio no chute de Neymar Jr. Em outra jogada de perigo, na tabela do camisa 11 com Cícero, o meia acertou a trave e por pouco não marcou.

Mas novamente a bola parada foi decisiva para o Corinthians. Aos 29 minutos, em cobrança de escanteio da esquerda a bola ficou viva na área santista e na tentativa de afastar o perigo, o zagueiro Paulo André aproveitou a sobra e chutou forte para marcar. Corinthians 2 a 0.

Pouco tempo depois, quem também soube aproveitar as cobranças de bola parada foi o Peixe, que diminuiu a vantagem corintiana com 37 minutos. Felipe Anderson cobrou falta pela direita e o zagueiro santista Durval subiu mais que todo mundo e marcou de cabeça. Santos 1 Corinthians 2. Com este gol no segundo tempo, o Santos diminuiu a vantagem corintiana para a decisão na Vila Belmiro, no próximo domingo. Para conquistar o tetracampeonato paulista, o Peixe precisa vencer por dois gols de diferença. Caso vença o Corinthians por um gol de diferença, a partida será decidida nos pênaltis.

 

Notícias

<
>