Neymar Jr.

PSG vence por 2 a 1 a difícil partida contra o Dijon

Neste sábado (14), o PSG fez uma difícil partida contra o Dijon, pela Ligue 1, mas garantiu a vitória por 2 a 1. Meunier marcou os dois gols da equipe parisiense. O próximo duelo do PSG será na quarta-feira (18), contra o Anderlecht, na Champions League.

Primeiro tempo –

Durante os dez primeiros minutos, o controle total do duelo era do PSG. O Dijon aparecia através de contra-ataques, mas a defesa parisiense bloqueava as chances do dono da casa. A primeira finalização veio aos 14 minutos, quando Di Maria tentou lançar Njr na área, mas a bola desviou para o gol, forçando Reynet a fazer a defesa.

Cruzando os 20 minutos, o ritmo duelo era lento, com o PSG brigando por espaços para finalizar. Enquanto isso, o Dijon passava a ganhar mais a bola, balanceando aposse. Aos 29 minutos, Sliti cruzou pela direita e Marié surgiu na área para chutar, mandando para fora e assustando a torcida do PSG.

Aos 36 minutos, Kwon recebeu pela direita, avançou livremente e soltou uma bomba que foi defendida por Aréola. O Dijon passou a se movimentar mais do que o PSG, criando mais chances, mas não foi o suficiente para marcar um gol. No fim do primeiro tempo, Neymar Jr. caiu na entrada da área e Dani Alves cobrou uma bela falta, que explodiu na trave.

Segundo tempo –

O Dijon começou o segundo tempo causando mais perigo. Logo aos sete minutos, a bola sobrou para Jeannot, dentro da área parisiense, que tentou uma bicicleta, mas Aréola fez uma bela defesa. Respondendo, aos nove, Mbappé aproveitou o lançamento de Neymar Jr., mas o goleiro defendeu. No rebote, Di Maria mandou para fora.

O PSG acordou após a dominância do Dijon, passando a atacar mais. Neymar Jr., Mbappé e Di Maria choveram finalizações para o gol, mas Reynet virou uma parede. Até que, aos 25 minutos, Neymar Jr. recebeu de Draxler, acelerou e chutou, mas Reynet defendeu. No rebote, Meunier marcou. Após o gol, o Dijon passou a atacar menos, deixando o PSG dominar novamente.

Aos 40 minutos, Neymar Jr. cobrou uma falta na entrada da área, que foi defendida por Reynet. Em seguida, o time acelerou um lançamento, Jeannot aproveitou o erro de Marquinhos e chutou de primeira para marcar. A torcida foi à loucura e os três minutos de acréscimo não pareciam o suficiente para o PSG desempatar.

No último minuto, Dani Alves lançou a bola à Mbappé, que driblou a zaga e lançou para a área. Meunier apareceu por trás e chutou por baixo das pernas de Haddadi, encerrando a partida e dando a vitória ao PSG.

PSG

<
>