Neymar Jr.

Paraíba

Por Alex Bernardo

Há um assunto que me incomodava desde o final da partida em que o Santos FC eliminou o Flamengo-PI da Copa do Brasil na última quarta-feira (17/04). Assisti primeiro a entrevista do jogador Lúcio “Bala” em que ele acusou o NJr de ofender os jogadores de sua equipe de “paraíba”, declaração reiterada pelo treinador da equipe piauiense, Josué Teixeira.

Conheço NJr desde criança e confesso, por saber de sua educação,  caráter, comportamento e amizades, achei aquelas declarações tão descabidas que preferi sequer comentá-las pois é absolutamente inconcebível que isso houvesse ocorrido.

Os dias foram passando, o vídeo com as declarações do Lúcio foi ganhando destaque nas redes sociais e hoje um deputado, acreditando nas declarações do jogador e do técnico, anunciou que vai levar um protesto a câmara dos deputados, em Brasília, contra NJr, acusando-o de preconceituoso.

Pera lá !!

Aí passou do limite !!

Liguei para o NJr perguntando o que é que tinha acontecido naquele jogo e escutei um desabafo:

“Sei lá !! O jogo acabou, fui tomar meu banho, e depois fiquei sabendo dessa história... Você acha que eu seria capaz de xingar alguém desse jeito ?? Não uso essa palavra e nunca usei ela pra xingar ninguém... É mentira isso aí...

“Mas o Lúcio foi muito veemente na entrevista que concedeu após a partida – argumentei com ele - e tem gente acreditando”.

“Eu nem posso levar isso muito a sério, sabe ?? “Cê” sabe que meu irmão, o Joclécio, é nordestino, pernambucano... Eu não ia admitir que alguém chamasse ele de “paraíba” !! Os caras tão loucos... No Santos tem jogadores nordestinos... Vai lá perguntar pra eles se eu gosto desse tipo de brincadeira !! Para, né ?? Chega !!!! Eles sabem o que aconteceu dentro de campo. Eu não ofendi ninguém, eles sabem disso... Ponho minha cabeça no travesseiro e durmo tranqüilo !! O Lúcio é que tem o que explicar, não eu !!”

Fiquei satisfeito com o que ouvi do NJr.

Mas ainda mais indignado com esse monte de conversinha !! Como é que um jogador e um treinador de futebol têm a capacidade de criar essa situação ?? Aliás quando eles falam que “paraíba” é ofensa, será que não estão sendo preconceituosos ??

Ainda pior é um representante do povo, eleito com o voto da população, dar ouvidos a uma conversa dessas...

Diz que não faz sensacionalismo. O que faz então ?? Por acaso o Senhor Deputado Federal Efraim Filho (DEM) perguntou ao NJr se é verdade, se ele realmente xingou alguém de “paraíba” ??

Como pode ele considerar NJr preconceituoso ? Será que ele sabe do carinho e do relacionamento de amizade que ele tem pelo “irmão” Joclécio ??

Será que ele perguntou aos jogadores nascidos no Nordeste Brasileiro, amigos do NJr, se o comportamento dele é preconceituoso ??

É assim, com esse conceito de “justiça”, que ele exerce seu mandato ?? Ouvindo um lado, preferencialmente o mais próximo dele, e ignorando quem está do outro lado da história ?? Isso não é um tipo de preconceito ?? Ouvir a versão apenas dos jogadores do nordeste, apenas porque são do nordeste ?? Se for, lamento !! Muita gente desperdiçou seu voto... Isso é mal política !!

Concluindo:

Lúcio, tenho ídolos como Zico e Romário. E não me lembro de nenhum deles precisar desse tipo de comportamento lamentável como o seu para aparecer na mídia !!

Notícias

<
>