Neymar Jr.

Neymar Jr e Daniel Alves participam de campanha contra violência sexual infantil lançada pela Childhood Brasil

A Childhood Brasil, organização que atua há 15 anos no país por uma infância livre de exploração e abuso sexual, lança a ação “#BrasilNaDefesaDaInfancia”, um alerta para os riscos dessa violação de direitos durante o maior evento de futebol do mundo. A divulgação inicia um pouco antes do Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, data lembrada todo dia 18 de maio. 

A ação “#BrasilNaDefesaDaInfancia” gerou um vídeo, gravado no mês de fevereiro, com a participação dos brasileiros Neymar Jr. e Daniel Alves alertando sobre a necessidade do Brasil “jogar na defesa” neste Mundial, pela proteção de crianças e adolescentes contra a exploração e o abuso sexual. “É importante que todos denunciem esse tipo de violência. Esse é um papel de todos nós: proteger as crianças e os adolescentes; não só em ano de Copa, mas pelo resto de nossas vidas.”, diz Neymar Jr. sobre o engajamento no projeto que também conta com o apoio do Instituto Projeto Neymar Jr.

Daniel Alves, também da seleção brasileira, apoia a iniciativa: “Sabemos que em muitas famílias o abuso e a exploração sexual aconteceram ou acontecem. Por isso, é importante que a gente discuta esse assunto nas nossas casas, com os amigos e conhecidos. Encarar o assunto é o primeiro passo para enfrentar algo que é tão complicado e grave”.

Com a chegada do Mundial, a grande concentração de turistas nas cidades que receberão as partidas, tanto estrangeiros como brasileiros, e a decorrente demanda por serviços temporários pode provocar o aumento do trabalho infantil e de uma série de fatores de vulnerabilidade que propiciam o cenário para a exploração sexual de crianças e adolescentes.

“Estamos empenhados em dar visibilidade ao assunto, pois acreditamos que a informação e o engajamento de todos são uma arma para enfrentar o problema. Queremos contribuir para que esse megaevento deixe um legado positivo para crianças e adolescentes brasileiros”, afirma Ana Maria Drummond, diretora-executiva da Childhood Brasil.

Para conseguir levar a mensagem aos turistas enquanto eles estiverem em trânsito no país, a Childhood Brasil contará com o apoio dos canais de comunicação de parceiros estratégicos como a Atlantica Hotels, EY (antes Ernst & Young), GRU Airport, Grupo CCR, Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República e a TAM Linhas Aéreas. “Os parceiros envolvidos entendem que seu papel é também levar a mensagem por todo o Brasil. É importante que todos os brasileiros ajudem, compartilhem o vídeo e deem voz a esta causa, para que mais pessoas conheçam o problema e saibam como agir pela proteção de nossas crianças”, acrescenta Anna Flora Werneck, coordenadora de programas da organização.

Clique aqui e assista o vídeo da campanha

Para saber mais sobre a campanha clique aqui

...

#LojaOficialNJr !! http://www.neymaroficial.com/loja

Notícias

<
>