Neymar Jr.

Brasil vence Suécia em partida comemorativa pelo título mundial de 58

Por Helena Passarelli Uma das figuras mais importantes do Brasil no ano de 1958 protagonizou mais uma cena histórica no futebol. Pelé entrou em campo para dar o pontapé inicial, e fazer tabelinha com Neymar Jr., em partida festiva que relembrou o primeiro título do Brasil em Copas do Mundo. O que se viu em campo não foram os mesmos jogadores daquele ano, mas para homenagear esses ex-craques, o Brasil venceu a Suécia por 3 a 0, no Estádio Rasunda, em Estocolmo. Com um gol de Leandro Damião e dois tentos do atacante Alexandre Pato, a Seleção Brasileira comandada por Mano Menezes deixou a derrota para o México, na final das Olimpíadas de Londres, para trás e vestiu novamente a camisa brasileira em busca de um novo recomeço. A partida era amistosa, mas sem o gol a festa não teria o mesmo brilho. Com 31 minutos do primeiro tempo, Neymar Jr. driblou o marcador da Suécia e cruzou na medida para Leandro Damião flutuar e mandar de cabeça para o fundo do gol. Brasil 1 a 0 Suécia. O segundo tempo não promoveu muitas jogadas ofensivas para ambas as seleções, porém Leandro Damião arriscou dois chutes de fora da área que levaram perigo ao gol de Isaksson. Na cobrança de bola parada, Neymar Jr. quase acertou o ângulo esquerdo da meta sueca, mas por pouco a bola saiu pela linha de fundo. Com mais de 30 minutos de jogo, Mano Menezes promoveu algumas alterações na equipe e com isso Alexandre Pato ganhou uma oportunidade na partida amistosa, e a mudança do treinador brasileiro deu certo. Depois de bate e rebate na área, a bola sobrou para o atacante fazer de cabeça. Brasil 2 a 0. Em jogada armada por Ramires, o atacante Alexandre Pato recebeu no meio da zaga da Suécia e foi derrubado dentro da área. Na cobrança, aos 40 minutos, Pato chutou forte no meio do gol para marcar seu segundo gol no jogo e decretar a vitória do Brasil por 3 a 0. Na saída para o intervalo, Neymar Jr. falou da assistência no gol de Leandro Damião e sobre o orgulho de fazer parte desta partida amistosa em comemoração ao primeiro título mundial conquistado pelo Brasil, em 1958. “Dei um passe maravilhoso para o Damião e conseguimos o gol. É um orgulho muito grande fazer parte dessa festa e representar os ídolos, os craques, que deram o primeiro título para o Brasil”, disse Neymar Jr.

Notícias

<
>