Neymar Jr.

Brasil vence o México por 2 a 0 e está classificado para as quartas de final

A Seleção Brasileira está nas quartas de final! O time brilhou em campo nesta segunda-feira (2) e derrotaram o México por 2 a 0. Neymar Jr. e Firmino garantiram os gols do grande duelo das oitavas de final.

Primeiro tempo –

O México marcava bem a saída de bola da Seleção Brasileira. Ambos os times procuravam seus espaços e o perigo era constante em campo. Aos 5 minutos, Neymar Jr. arriscou da entrada da área, mas Ochoa defendeu. Em 15 minutos, o México era o time que mais pressionava. A zaga brasileira trabalhava bem e afastava o perigo, mas os brasileiros não atacavam.

Aos 25, o Brasil passou a gostar mais do jogo, mas ainda havia uma barreira de mexicanos para atravessar. Aos 26 minutos, após uma cobrança de falta, Neymar Jr. lançou a bola na área e o México se fechou, dando espaço para uma tentativa de Coutinho, que parou nas mãos de Ochoa. Aos 32, Jesus teve a chance, mas Ochoa defendeu novamente. No rebote, Neymar Jr. não chegou a tempo.

O relógio apontava 40 minutos e o jogo ficava mais morno. O México continuava pressionando muito, mas agora com mais cautela. O Brasil se defendia bem e tentava reconquistar o controle da partida, mas não deu tempo e o primeiro tempo chegou ao fim com um resultado incerto.

Segundo tempo –

Logo aos 2 minutos, em um escanteio, Neymar Jr. deixou a bola com Coutinho, que à levou a área e tentou o chute, mas Ochoa defendeu. Só que o melhor goleiro da Copa não seria perfeito para sempre. Aos 5 minutos, Njr deixou de letra para Willian, que cruzou pela esquerda e o camisa 10 já estava ali para abrir o placar. O Brasil saía na frente, mas o jogo continuava tenso.

Aos 16 minutos, em um contra-ataque, Vela arriscou de fora da área, mas Alisson afastou o perigo. Logo no minuto seguinte, foi a vez de Willian fazer a mesma coisa e Ochoa responder com outra grande defesa. Aos 23, Willian levou mais uma vez a bola pela direita e encontrou Neymar Jr., que tentou o chute, mas Ochoa defendeu.

A partida atingia os seus 30 minutos e o Brasil passava a apostar na troca e posse de bola. Mas quando o jogo parecia gelado, o Brasil esquentou. Aos 42, em uma bola roubada por Fernandinho, Neymar Jr. acelerou pela esquerda e passou para Firmino ampliar o placar.

Após o gol o México se desestabilizou e, mesmo com algumas chances para marcar, não conseguiram e a festa era brasileira, com nossos atletas classificados para as quartas de final.