Neymar Jr.

Brasil sai na frente, cede empate, mas Robinho faz de cabeça e sela vitória contra o Chile

No Canadá, na cidade de Toronto, a Seleção Brasileira realizou nesta noite de terça-feira (19) seu último amistoso de 2013 visando a Copa do Mundo. E o resultado deu boas perspectivas para a equipe de Felipão para o ano que está por vir com a vitória de 2 a 1 contra o Chile.

O Brasil saiu na frente com Hulk e chegou a ceder o empate com o tento Vargas, mas na jogada que iniciou com Neymar Jr, o lateral Maicon cruzou para Robinho então fechar o placar de cabeça. Antes de se iniciar o campeonato mundial, a seleção ainda terá mais uma prova de fogo em seu último jogo amistoso, aí sim com o time fechado entre os convocados finais para a competição.

O jogo

Duas equipes caracterizadas pela velocidade de seus jogadores, Brasil e Chile fizeram um primeiro tempo equilibrado. Apesar da igualdade, os brasileiros saíram na frente com gol de Hulk aos 12 minutos.

Em saída de bola errada da defesa do Chile, o zagueiro jogou a bola nos pés de Oscar na lateral direita. O meia brasileiro adiantou a bola, levantou a cabeça e viu Hulk livre entrando na área para acertar belo chute cruzado de esquerda no gol chileno. Brasil 1 a 0

O Chile voltou para o segundo tempo gostando do jogo. Pressionando a marcação brasileira, o empate chileno saiu em 4 toques na bola com finalização de Vargas. Na cobrança do tiro de meta, o atacante recebeu, dominou e chutou rasteiro sem chances para Julio César. Tudo igual em 1 a 1.

Logo em seguida o Brasil respondeu duas vezes com Neymar Jr. Na primeira o camisa 10 marcou gol em impedimento e na segunda aproveitou rebote da finalização e deu dois chapéus no goleiro chileno, mas na hora da finalização foi travado pela zaga.

A duas tentativas acordaram o Brasil que voltou a ficar na frente do placar aos 33 minutos em boa jogada que saiu dos pés de Neymar Jr. O atacante saiu da ala esquerda e carregou a bola até o meio de campo para tocar para Maicon. O lateral ergueu a cabeça e de primeira cruzou na medida para Robinho fazer de cabeça e encerrar a vitória do Brasil por 2 a 1 contra o Chile.

Notícias

<
>