Neymar Jr.

Brasil joga bem e goleia os Estados Unidos por 4 a 1

Em noite amistosa na casa do adversário, o Brasil goleou os Estados Unidos por 4 a 1. Mostrando um futebol consistente, com boa marcação e toque de bola, o time de Mano Menezes venceu os americanos com facilidade nos gols de Neymar Jr., Thiago Silva, Marcelo e Alexandre Pato. Seguindo os amistosos que visam a participação do Brasil nas Olimpíadas, a seleção volta à campo neste domingo (03), contra o México. E encerrando esta sequência de amistosos, o Brasil encara a Seleção da Argentina, no dia 09 de junho. O jogo A Seleção Brasileira começou impondo sua marcação no meio de campo americano e em uma roubada de bola, Oscar achou Neymar Jr. que em uma jogada de corpo deixou a bola passar para Leandro Damião. Na finalização, o atacante chutou em cima do zagueiro que colocou a mão na bola, cometendo pênalti. Na cobrança aos 11 minutos, Neymar Jr. foi para a bola e chutou forte no canto direito para abrir o placar contra os Estados Unidos. Este foi o 9º gol do camisa 11 pela Seleção Brasileira, em 17 jogos. Apresentando um bom futebol, o Brasil chegou ao segundo gol aos 25 minutos. Neymar Jr. cobrou escanteio da esquerda e acertou um belo cruzamento na cabeça de Thiago Silva que mandou pro fundo do gol. Mesmo com a vantagem brasileira, os Estados Unidos insistiram nas jogadas pelas laterais e aos 45 minutos diminiu a vantagem no placar. Em jogada que começou pela esquerda, Johnson cruzou para trás para a chegada de Gomez completar de cabeça. No segundo tempo, o Brasil soube aproveitar a posse de bola e na troca de passe marcou mais um. Em jogada que começou de Hulk para Neymar Jr., o atacante recebeu em profundidade na esquerda e viu bem a chegada de Marcelo que só mandou pra rede. Brasil 3 a 1. Após o terceiro gol brasileiro, quem apareceu na partida foi Rafael. O goleiro fez três boas defesas evitando uma reação dos americanos. Mas em bom cruzamento de Marcelo, aos 41 minutos, Pato dominou no peito e chutou cruzado de pé direito no canto do goleiro americano para decretar a vitória do Brasil por 4 a 1 em cima dos Estados Unidos.

Notícias

<
>