Neymar Jr.

Barcelona vence o Athletic de Bilbao por 5 a 2 e encosta na liderança da Liga

O Barcelona conquistou uma grande vitória na noite deste domingo (8) no San Mamés. Na 22ª rodada do Campeonato Espanhol, o Barça visitou o Athletic de Bilbao e em partida repleta de gols venceu por 5 a 2 e se manteve firme na briga pela liderança. O jogo contou com gols de Messi, Suárez, De Marcos em gol contra, Neymar Jr e Pedro; pelo Athletic quem descontou foram Rico e Aduriz.

Com este resultado o Barcelona (53 pontos) permanece na segunda colocação, mas encosta no Real Madrid (54 pontos) que sofreu derrota contra o Atlético de Madrid. Fazendo boa campanha na liga, o time comandado por Luis Enrique segue vivo na competição em busca da liderança.

O próximo confronto do Barcelona será válido pelo primeiro jogo da semifinal da Copa Del Rey contra o Villarreal, nesta quarta-feira (11), às 17horas (de Brasília) no Camp Nou.

O jogo

Os primeiros minutos do jogo em Bilbao mostraram certa dificuldade para o Barcelona sair jogando e impor o seu toque de bola. Mas em jogada parada, o time catalão deu o ar da graça e tratou de abrir o placar aos 15 minutos. Após Suárez sofrer falta, Messi foi para a cobrança e seu chute bateu na barreira enganando o goleiro que não conseguiu defender e permitiu que o Barcelona fizesse 1 a 0.

Não querendo ficar longe da vantagem conquistada pelo Barça, o Athletic de Bilbao quase fez depois de cruzamento da esquerda após desvio de Aduriz, que parou nas mãos de Bravo e mandou para escanteio. E se de um lado o arqueiro do Barcelona brilhou, do outro lado foi a vez de Iraizoz salvar a pátria.

Neymar Jr. recebeu de Rakitic e de primeira deu passe de letra para a chegada de Messi. O argentino adiantou a pelota e no cruzamento certeiro achou Suárez na área livre para cabecear. A conclusão foi venenosa, mas o goleiro adversário fez grande defesa impedindo o segundo gol catalão.

Diferentemente do que os primeiros minutos do jogo apresentavam, o jogo do Barcelona encaixou e de pé em pé o segundo gol saiu. No contra-ataque certeiro e veloz do tridente, Neymar Jr. tocou de cabeça para Suárez, que carregou a bola até a entrada da área e achou Messi. O camisa 10 viu o uruguaio chegando e tocou para Suárez chutar forte e rasteiro ao fazer 2 a 0 para o Barcelona.

O que se viu nos instantes seguintes, antes da partida seguir para o intervalo, foram dois lances inacreditáveis, sendo um para cada time. Primeiro foi a vez do Barcelona que no bate-rebate dentro da área, Neymar Jr. quase mandou para as redes de joelho e no rebote Suárez tentou de voleio, mas a defesa tirou. No lance seguinte a zaga do Barça se atrapalhou com Piqué e Bravo e na jogada Aduriz acertou a trave tirando o fôlego do torcedor presente no estádio.

Na volta para o segundo tempo, o Athletic de Bilbao ganhou fôlego para reverter o placar aos 14 minutos. Aduriz recebeu a pelota na grande área e no chute foi parado por Bravo. No rebote, Rico não desperdiçou e diminuiu Athletic 1 Barça 2.

Mas o torcedor do Bilbao teve pouco tempo para comemorar. Em nova jogada de contra-ataque foi que o Barcelona acabou com a reação adversária. Suárez recebeu em profundidade na direita, cruzou para a área, a bola passou por Neymar Jr até achar Messi. O camisa 10 tocou para as redes, mas antes De Marcos encostou na bola e o gol contra foi validado marcando 3 a 1 para o Barcelona.

Depois de ficar no quase no lance anterior; foi a vez de Neymar Jr. deixar seu nome anotado na súmula em um grande gol que saiu depois do desempenho da equipe catalã. Rakitic distribuiu o jogo para Messi que buscou Xavi. O meia deixou a bola passar ao encontro de NJr, que no chute certeito, forte e rasteiro fez Barcelona 4 a 1.

Só que apesar da desvantagem no placar, o Bilbao não se acolheu na sua zaga e minutos depois foi ao ataque e marcou novamente com 21 minutos de jogo. Muniain achou Aduriz, que foi um dos jogadores adversários mais acionados na partida, para não desperdiçar e fazer 2 a 4 para o Athletic.

O jogo esquentou um pouco depois da chuva de gols. O Bilbao teve Etxeita expulso, após falta perigosa em cima de Suárez. E com um a menos em campo os donos da casa não aguentaram a pressão e sofreram a goleada. Messi carregou a bola de um lado para o outro, do jeito que só ele sabe e nenhum zagueiro consegue tirar, enfiou a bola para Busquets. O volante serviu de garçom nesta noite e tocou para Pedro marcar com o pé direito e decidir o resultado em 5 a 2.

Notícias

<
>