Neymar Jr.

Barcelona confirma favoritismo fora de casa e faz 4 a 0 no Apoel

Nem a torcida rival foi capaz de parar o Barcelona nesta terça-feira (25). Jogando em Nicósia, no Chipre, os catalães bateram o Apoel por 4 a 0 com direito a hat-trick e recorde de Messi em duelo válido pela quinta rodada do grupo F da Champions League. Neymar Jr. foi poupado pelo técnico Luis Enrique e assistiu ao jogo do banco de reservas.

Com 12 pontos na Champions, o Barcelona está na segunda colocação do grupo, atrás do PSG, que também venceu hoje e soma 13. A equipe culé volta a campo no domingo (30), às 18 horas (de Brasília), quando enfrenta o Valência, no estádio Mestalla, pela 13ª rodada da Liga Espanhola. Na Champions League, o Barcelona decide com o Paris Saint-Germain no próximo dia 10 de dezembro, no Camp Nou, quem se classifica em primeiro lugar do grupo F.

O jogo

Desde o começo da partida com maior posse de bola, o Barcelona parou nos primeiros minutos na forte e bem postada marcação do Apoel. Aos 16 minutos o atacante Suárez teve a primeira grande oportunidade de gol, mas parou nas mãos do goleiro Pardo. Cinco minutos depois foi Jordi Alba quem tentou abrir o placar no estádio GSP, mas a bola passou por cima da meta dos donos da casa.

Foi então aos 27 minutos do primeiro tempo que o uruguaio Suárez anotou seu primeiro tento pelo Barcelona e de quebra tirou o zero do marcador. O camisa 9 da equipe azul-grená deu um lindo giro sobre seu marcador e de frente para o goleiro deu um chute colocado, sem chances de defesa.

Querendo ampliar a vantagem conquistada, o Barcelona continuou em cima do Apoel e Messi marcou o segundo. O atacante desviou chute de Rafinha e anotou seu gol de número 72 na Champions League. Com esta marca o argentino se tornou o maior goleador da história da competição, superando o espanhol Raul, que tinha 71 gols.

A partida seguiu para o intervalo e logo aos 12 minutos do segundo tempo novamente Messi apareceu. O camisa 10 do Barça recebeu assistência de Daniel Alves e com um leve toque de pé direito tirou de Pardo para fazer 3 a 0. O argentino estava inspirado e decretou o resultado final após completar toque de Pedro, os 41 minutos, e deixar o Barcelona com a vitória por 4 a 0.

Notícias

<
>