Neymar Jr.

Neymar Jr. chega aos 300 gols em goleada do Brasil contra a Bolívia

O Brasil brilha na Arena das Dunas. O time goleou a Bolívia por 5 a 0, com gols de Philippe Coutinho, Gabriel Jesus, Filipe Luís, Firmino e Neymar Jr. O camisa 10, Além de abrir o placar, chegou aos seus 300 gols na carreira e brilhou no duelo. A Seleção Brasileira entrará em campo novamente nesta terça-feira (11), contra a Venezuela, mas NJr não joga, pois está suspenso.

Primeiro tempo –

O jogo começou fechado para ambos os lados. Aos cinco minutos, Gabriel Jesus recebeu uma bola na entrada da área, mas se atrapalhou e errou o chute. Mas, sem demorar muito, aos dez minutos, a Seleção marcou. Neymar Jr. roubou a bola no meio de campo, seguiu o lance, passou para Gabriel Jesus, que retornou para o craque marcar o gol de número 300 em sua carreira.

Com 23 minutos de jogo, o Brasil dominava a Arena das Dunas, enquanto a Bolívia tentava se recuperar. Aos 25, o segundo saiu. Dani Alves deixa de calcanhar a bola com Giuliano, que faz um belo passe para Philippe Coutinho marcar. O jogo ficava tenso, mas o Brasil ainda mantinha o controle da partida.

Após uma pequena confusão, Neymar Jr. recebeu um cartão amarelo, fazendo com que ele fique impossibilitado de jogar contra a Venezuela. Aos 38, ele respondeu. O craque aproveitou a bola que Gabriel Jesus perdeu e fez uma bela enfiada para Filipe Luís marcar o terceiro. Logo em seguida, aos 43, o camisa 10 avançou pela esquerda e encontrou Gabriel Jesus, para terminar o primeiro tempo por 4 a 0.

Segundo tempo –

O segundo tempo começou mais calmo do que o primeiro. Aos oito, Giuliano fez o passe a Neymar Jr. e o craque levou a bola até a área para tentar o chute, mas o goleiro impediu. O camisa 10 chamava a responsabilidade e queria mais um. Aos 13 minutos, o craque dominou perfeitamente a bola e cruzou para Gabriel Jesus, que por pouco não marcou.

Mas mesmo brilhando na partida, Neymar Jr. teve de sair. Aos 19 o craque levou uma cotovelada de Duk, cortando seu supercílio. O técnico Tite optou substituí-lo por Willian, encerrando a grande partida do jogador. Logo após, aos 29, Philippe Coutinho cobrou um escanteio que deu origem quinto gol do Brasil, feito de cabeça por Firmino.

Com uma grande atuação na Arena das Dunas, a Seleção Brasileira lutou até o fim, mas não marcou o sexto. Aos 45, Lucas Limas quase marcou, chutando com força de longe da área, mas Lampe salvou novamente. Apitou o árbitro e fim de jogo.

Photos: Mowa Press